Hora certa:
 

Notícias

União Química investirá 30 milhões de reais em programa de sustentabilidade que prevê plantio de 1 milhão de árvores

A União Química, farmacêutica com 100% de capital nacional, anuncia investimento de cerca de R? 30 milhões em iniciativas de impacto ambiental nos próximos anos. O primeiro passo dessa estratégia é o lançamento do Programa Raízes da União.

O programa será realizado em três fases - curto, médio e longo prazo -, e contemplará o plantio de cerca de 1 milhão de mudas de árvores em diversas regiões do país. Além do investimento em recuperação de floresta, o programa também prevê o desenvolvimento de ações educativas com foco nas cidades onde o grupo tem plantas fabris, com capacitação de professores, aulas on-line, e realização de concursos junto às escolas próximas de todas as fábricas.

Na primeira fase, a companhia comunicará os colaboradores sobre a iniciativa e doou cerca de 7 mil mudas para os funcionários, para engajá-los na causa. Na segunda etapa, que começa em 2022, será realizado o detalhamento das áreas para plantio e dos indicadores para monitoramento de sua efetividade, além do início do plantio de mudas no entorno das fábricas da União Química, em São Paulo, Minas Gerais e Distrito Federal. Na terceira e última fase, o foco será o reforço e ampliação de parcerias na continuidade do programa de plantio e fomento à sua manutenção, ampliando os territórios.

"Além de investimentos em pesquisa e desenvolvimento em saúde, a questão ambiental está cada vez mais presente dentro do grupo. Promover saúde e bem-estar das pessoas deve ser a meta de todos", ressalta Fernando de Castro Marques, presidente da União Química.

A ação de reflorestamento será realizada em parceria com a ONG Ipê - Instituto de Pesquisa Ecológica, considerada uma das maiores e mais respeitadas ONGs ambientais do Brasil. O Instituto, que começou com o Projeto Mico-Leão-Preto, agora conta com mais de 80 profissionais trabalhando em mais de 30 projetos por ano, em locais como o Pontal do Paranapanema, Nazaré Paulista (SP), Baixo Rio Negro (AM), Pantanal e Cerrado (MS).

Os locais selecionados para plantio das mudas serão definidos de acordo com critérios técnicos, priorizando Unidades de Conservação, áreas degradadas, no entorno de nascentes, na Mata Ciliar de rios e córregos.

Outros projetos que já estão em práticas nas unidades da União Química são os projetos de arborização urbana, em parceria com a prefeitura local; reúso de água do setor de utilidade para limpeza de pátios, lavanderias, descargas dos sanitários, irrigação dos jardins e 100 % do efluente tratado e reaproveitado para fertirrigação dos jardins das fábricas.

O evento de lançamento do programa aconteceu no dia (11/12) das 07h às 14h, no Parque da Cidade, em Brasília (DF), com distribuição de mudas de árvores destinadas ao plantio na região do cerrado.
 












Fechar


SnifBrasil é uma publicação

(11) 5533-5900 – dpm@dpm.srv.br
O conteúdo dos artigos assinados no site e no boletim SnifBrasil é de responsabilidade de cada um dos colaboradores. As opiniões neles impressas não refletem, necessariamente, a posição desta Editora.
Não é permitida a reprodução de textos, total ou parcial sem a expressa autorização da DPM.
Informações adicionais poderão ser solicitadas pelo e-mail editor@snifbrasil.com.br.
Qualquer problema, ou dificuldade de navegação poderá ser atendido pelo serviço de suporte SnifBrasil, pelo e-mail suporte@snifbrasil.com.br

Seu IP: 54.204.73.51 | CCBot/2.0 (https://commoncrawl.org/faq/)