Hora certa:
 

Notícias

Vendas de farmácias subiram 7,36% no acumulado de janeiro a agosto

As vendas de farmácias subiram 7,36% no acumulado de janeiro a agosto deste ano, segundo a Abrafarma (entidade das varejistas). O crescimento está abaixo das projeções realizadas pelo setor, afirma Sergio Mena Barreto, presidente-executivo da associação. “Projetávamos uma elevação de 9% a 10% para 2018, mas já consideramos que não será possível.”

A alta foi de 9% em 2017

Medicamentos isentos de prescrição é a categoria que mais cresce (15,19%), enquanto os genéricos mantêm o ritmo mais lento, de 4,27%.

A expansão do setor seria menor, não fosse o aumento do número de inaugurações de lojas, afirma Barreto. “Ainda estamos longe de uma desaceleração orgânica. As redes estão em 950 cidades e o Brasil tem 6 mil municípios. Há muito potencial.”

“Teremos inaugurado 40 lojas até o fim deste ano”, afirma Julio Mottim Neto, presidente do grupo Dimed, dono das farmácias Panvel. “O ano está mais difícil que 2017. Mesmo assim, tivemos alta de 8% até junho. Conseguimos manter as margens de lucro, mas aumentamos o foco na redução de custos.”

Fonte: Folha de S. Paulo












Fechar


SnifBrasil é uma publicação

(11) 5533-5900 – dpm@dpm.srv.br
O conteúdo dos artigos assinados no site e no boletim SnifBrasil é de responsabilidade de cada um dos colaboradores. As opiniões neles impressas não refletem, necessariamente, a posição desta Editora.
Não é permitida a reprodução de textos, total ou parcial sem a expressa autorização da DPM.
Informações adicionais poderão ser solicitadas pelo e-mail editor@snifbrasil.com.br.
Qualquer problema, ou dificuldade de navegação poderá ser atendido pelo serviço de suporte SnifBrasil, pelo e-mail suporte@snifbrasil.com.br

Seu IP: 54.225.26.44 | CCBot/2.0 (https://commoncrawl.org/faq/)